Por que comprar um apartamento em tempos de crise?

É cada vez mais comum abrir as páginas dos jornais e encontrar a mesma palavra estampada: crise. Tanto a economia, quanto a política brasileira andam revelando algumas surpresas.

Que o Brasil passa por uma situação delicada, todo mundo sabe. Mas será que temos de deixar nossos sonhos de lado, por causa desse momento vivido pelo país?

De jovens casais até quem já está junto faz tempo, esse é um dos grandes objetivos de vida: adquirir a casa própria. É aí que vem a pergunta: é um bom momento para comprar apartamento?

A resposta que nós temos para você é muito simples: sim. Nesse post, a Precon vai mostrar como e porque você pode aproveitar a crise para não deixar a sua vida parar.

Comprar apartamento para investir

Tudo na vida é planejamento. Por isso antes de qualquer coisa, você precisa definir qual vai ser o seu objetivo ao comprar apartamento na crise.

Os tempos de crise desaceleraram os preços. Por um lado, é bom para comprar. Por outro, se o seu desejo for investir em imóvel, não adianta esperar retorno imediato.

Nesse caso, o que manda é o médio/longo prazo. Se puder investir e aguardar o mercado reaquecer, esse é o momento. Você irá colher frutos futuramente com a valorização do imóvel.

De acordo com o Sindicato das Empresas de Compra, Venda, Locação e Administração de Imóveis Residenciais e Comercias (Secovi- SP), as vendas de imóveis encolheram 25% em 2014 e as tendências para 2015 também são de queda.

Então, fique ligado: você pode ter facilidade para comprar apartamento, mas dificuldade para vender.

Comprar apartamento para morar

Chegou a hora de sair do aluguel? Sim! Mas existem alguns cuidados que você precisa ter antes de comprar o seu apartamento. Esse é um plano de vida para toda família e precisa ser realizado com atenção.

Preparamos algumas dicas para você aproveitar a crise e conquistar o sonho da casa própria:

1. Negocie: segundo Pedro de Seixas, coordenador do curso de Gestão de Negócios de Incorporação e Construção Imobiliária da FGV, “está se invertendo aquela coisa de demanda maior do que oferta, então inverte também o poder que antes estava do lado do vendedor e agora vai para o lado do comprador”.

Sente à mesa com a construtora. Se você não tiver desenvoltura para negociar, procure um especialista para ajudar.

2. Estoque: aproveitar imóveis em estoque é vantajoso tanto para conhecer o acabamento e sua estrutura, quanto para realizar um bom negócio. Construtoras e proprietários não querem deixar seu investimento parado!

Mas se o imóvel na planta, for a melhor opção para você, veja algumas dicas para garantir a entrega.

3. À vista ou a prazo: sem dúvida, o momento é melhor para quem tem dinheiro em mãos para dar uma boa entrada ou até o valor total do apartamento, por conta da desaceleração dos preços dos imóveis. Mas, mesmo para quem quer financiar, existem algumas formas de transformar o sonho da casa própria em realidade.

Gostou das dicas? Deixe um comentário nesse post, com sugestões ou dúvidas. A gente quer ver você com a chave do seu apartamento em mãos!

CTA_Compra-01